Páginas

27 de jan de 2011

Campanha paguem-me um terapeuta


- Você não tem namorado porque não quer.
- Anram.
- Por que você não tem namorado?
- Porque eu sou exigente demais.
- Quanto?
- Tipos muito. Mesmo. Do tipo... desista!

(espaço para inserir o sentimento do quanto eu sou insuportável)

Olha, eu e Did já conversamos N vezes sobre como é importante saber relevar os defeitos das pessoas em razão de um bem maior, que seria conviver com as parcas qualidades de um ser humano. Mas tá tão difícil, mas tão difícil que eu estou falhando. Tipos muito.

Nesse momento, por exemplo, eu desisti de meia dúzia de gatos pingados. Não tô falando de candidatos a namorados. Tô falando de gente. Só... gente que existe. Como meu aniversário tá chegando eu já pensei em convidar todo mundo. Já pensei em convidar só os chegados. Já pensei em convidar só os muito friends. Já pensei em cancelar a comemoração. Pra você ver o nível da preguiça social da pessoa.

A boa notícia é que eu estou tão engajada no Projeto Faça do Defeito uma Qualidade que hoje eu vou visitar uns três bares pra ver qual me oferece a melhor opção. Porque é claro que eu achei que todos eles tinham defeitos imperdoáveis.

E pelo nível do que se tornou esse blog, eu só posso ter a certeza de que está na hora de visitar um terapeuta, porque reparar tanto nos defeitos alheios só pode significar que os meus defeitos estão tão insuportáveis que eu preciso tirar o foco deles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pra ser avisado sobre uma resposta pro seu comentário, lembre-se de marcar a caixinha de "Notifique-me" ali, no cantinho à direita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...